CONSULTAS
(11) 3237 1616

As embolizações devem ser realizadas exclusivamente por profissionais com formação na especialidade de Radiologia Intervencionista, com experiência em procedimentos para o tratamento do câncer ou associados a médicos Oncologistas, hepatologistas ou cirurgiões.

No caso da Radioembolização, o tratamento agregará também outros médicos como um especialista em Medicina Nuclear.

TÉCNICA RECONHECIDA

A quimioembolização representa atualmente a técnica ideal para pacientes com câncer do fígado (CHC) em estágio intermediário conforme resultados de estudos clínicos na literatura médica.
Vários novos dispositivos técnicos estão em desenvolvimento no campo destes tratamentos, mas apenas alguns deles estão realmente sendo utilizados na prática clínica. A decisão sobre o uso de uma técnica ou de outra, permanece a critério do especialista e de uma analise individual do caso.

 As orientações clínicas publicadas pela Sociedade Europeia de Oncologia Médica (ESMO-European Society for Medical Oncology) aprovam a radioembolização como tecnologia comprovada para “prolongar o tempo de vida, sem progressão, dos tumores do fígado” em pacientes com câncer do intestino grosso e/ou reto que se disseminou para o fígado (mCRC) e que não respondeu de forma eficaz às opções de quimioterapia. 

Também tem sido utilizada no tratamento de outros tumores metastáticos, assim como tumores primários do fígado.

Dr. Airton Mota Moreira

Especialista em Angiorradiologia e Radiologia Intervencionista, iniciou sua formação no Piauí, onde completou graduação em Medicina no ano de 1990 pela Universidade Federal local (UFPI). Residência Medica credenciada pelo MEC em Cirurgia Geral e Cirurgia Vascular Periférica. Obteve o Título de Especialista em Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia pela Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular (SoBRICE).

 

Em 2007 concluiu o Doutorado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Atualmente integra as mais importantes Sociedades Médicas da área, como a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV), Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular (SOBRICE), Colégio Brasileiro de Cirurgiões, Sociedade Ibero Americana de Intervencionismo (SIDI), Sociedade Americana de Intervencionismo (SIR) e Européia (CIRSE).

Dr Airton